fbpx

Neurocoaching & Férias: Saiba como engana o seu cérebro quando “bebe um copo”- 5 Alternativas saudáveis!


Férias. Descansar. Descontrair. Ir à praia. Beber um cocktail à beira-mar ou junto à piscina. O paraíso!

 

Sabe o que acontece no seu cérebro e porque se sente tão bem quando toma aquela bebida que tanto aprecia?

 

O Glutamato e o GABA são dois dos principais neurotransmissores:

 

– Glutamato: é o principal neurotransmissor excitador.

Excesso de glutamato está associado a problemas de ansiedade, agitação, stress crónico, perturbações da atenção e fraca qualidade de sono.

 

– GABA: é o principal neurotransmissor inibidor.

Equilibra o efeito excitador do glutamato e assegura a regulação de efeitos sedativos e calmantes.

Baixas concentrações de GABA no cérebro estão associadas a depressão, ansiedade, insonias e perturbações da atenção.

 

Aquele copo que tão bem lhe sabe, mimetiza o GABA e suprime (inibe) os efeitos do Glutamato. Daí a sensação de relaxamento e até de algum sono.

 

Já lhe aconteceu, certamente,  ter vontade de “passar pelas brasas” depois de uma bela taça (ou taças??) de bom vinho. Contudo, acaba, frequentemente, por acordar mais cedo do que poderia supor, sem saber porquê…

O que acontece é que quando este efeito de mimetização  acaba, o organismo entra em compensação, repondo os níveis de glutamato e interferindo com os ciclos de sono.

Ou seja, a primeira parte do sono pode ser deliciosa mas o mais provável é que a segunda parte não seja bem dormida.

 

5 DICAS PARA SENTIR  BEM-ESTAR E ELEVAR OS NÍVEIS DE GABA –  SEM ENGANAR O SEU CÉREBRO COM O “COPO”!

 

– Faça caminhadas ou corridas na praia: na praia é mais agradável mas o efeito é independente do cenário.  Exercício físico que acelere o ritmo cardíaco contribui para aumentar os níveis de GABA. Atenção à frequência: pelo menos 3 vezes por semana, é o ideal.

 

 – Faça Ioga: na praia ainda melhor! Estudos científicos apontam a correlação entre a prática de ioga e o aumento da concentração de GABA no cérebro. Aumenta também a capacidade de concentração  e foco no momento presente!

 

– Ingira alimentos que estimulam a produção de GABA: Amêndoas e nozes, Bananas, Aveia e Citrinos são alguns bons exemplos. Não é difícil imaginar um belo pequeno-almoço com estes ingredientes!

 

 – Tome chá verde: Bem gelado, também será bem refrescante e ajudará a elevar os níveis de GABA!

 

 – Evite alimentos processados e fast-food: contêm aditivos que estimulam as células nervosas associadas ao paladar (por isso não conseguimos parar de comer até ver o fundo do pacote de batatas fritas…). Como efeito colateral, causam agitação excessiva nas células neurais, gerando ansiedade, insónia, stress e perturbações da atenção.


** NEUROCOACHING – LISBOA, 28 DE SETEMBRO. + INFO AQUI. ***

P.S.: Cada vez mais apaixonada por neurocoaching!

Partilhar